A inevitável fusão entre homem, máquina e digital em um futuro hiperconectado

Monitorado por mais de 700 sensores e dispositivos ao longo dos últimos 25 anos, Chris Dancy é a representação viva da nova etapa evolutiva da humanidade. Embora a ideia de um mundo capaz de controlar todos os nossos dados assuste, Dancy traz uma retrato otimista de como temos muito mais a ganhar do que a perder com a aceleração da tecnologia